Cortiça

A cortiça é a casca do sobreiro (Quercus Suber L.), a Árvore Nacional de Portugal. Trata-se de um tecido vegetal 100% natural, formado por uma colmeia de células microscópicas preenchidas com um gás semelhante ao ar. Portugal detém um terço da área global de sobreiros, sendo o maior produtor de cortiça a nível mundial. Por ano, transforma 50% da produção mundial de cortiça, cerca de 100 mil toneladas. Apesar de já ocuparem 23% da área florestal do país, têm-se vindo a desenvolver importantes reflorestações originando um crescimento anual na ordem dos 4%.

“A CORTIÇA É UMA MATÉRIA-PRIMA TÃO PERFEITA QUE ATÉ HOJE NENHUM PROCESSO INDUSTRIAL OU TECNOLÓGICO A CONSEGUIU IGUALAR.”

SURPREENDENTEMENTE LEVE

Mais de 50% do seu volume é ar, o que a torna muito leve, pesando apenas 0,16 gramas por centímetro cúbico. Apesar da sua baixa densidade, é um material bastante resistente, tornando as solas ótimas para andar sobre as mais diversas superfícies.

AGRADÁVEL AO TOQUE

Graças à sua estrutura celular única, a cortiça pode ser comprimida até metade da sua largura e regressar à sua forma original. Isto faz com que seja confortável e saudável, pois a capacidade de absorver os choques alivia a pressão sobre os pés, protegendo as articulações e a coluna.

ISOLANTE IDEAL

A cortiça tem uma baixa condutividade de calor, som e vibração, e é impermeável a líquidos e a gases, permitindo que envelheça sem se deteriorar. Com uma temperatura natural muito aproximada à do corpo humano, transmite uma sensação de conforto difícil de replicar com outros materiais.

HIPOALERGÉNICA

Além de funcionar como um bom isolante, a cortiça é um material que não absorve pó. Isso torna-a fácil de limpar e contribui para a proteção contra alergias, prevenindo irritações da pele quando em contacto com as solas.

NATURAL, VERSÁTIL E SUSTENTÁVEL